12 receitas de molho Caesar perfeitos para suas saladas

Conheça diferentes receitas de molho Caesar – aquele molho superespecial e famoso que, normalmente, vem acompanhado de folhas de alface, croutons e queijo parmesão.

Você pode escolher a sua receita favorita abaixo e incrementar suas saladas com ingredientes como palmito, milho, azeitona e outros!

1. Molho Caesar com maionese, creme de leite e parmesão

Em um mixer ou liquidificador, bata os seguintes ingredientes: maionese, creme de leite, parmesão ralado, salsinha, azeite e alho. Se o molho ficar muito grosso, adicione mais leite para acertar a textura. As quantidades de cada ingrediente você confere dando play no vídeo!

2 Molho Caesar com maionese light e limão tahiti

Essa versão do molho Caesar leva apenas quatro ingredientes: maionese light, azeite, limão tahiti e sal. Se você preferir, pode substituir a maionese por iogurte, mas a quantidade precisa ser dobrada. Coloque todos os ingredientes em um pote com tampa e agite bem até a mistura ficar homogênea.

3. Molho Caesar com limão siciliano, mostarda dijon e maionese

Maionese, alho, mostarda dijon, limão siciliano, azeite de oliva e queijo parmesão ralado são os ingredientes que você vai precisar para reproduzir esse delicioso molho. O limão siciliano dá um sabor todo especial ao preparo. Confira a receita completa!Molho Caesar com limão siciliano, mostarda dijon e anchova

4. Molho Caesar com limão siciliano, mostarda dijon e anchova

Anote os ingredientes dessa receita: 1/2 xícara de maionese caseira, raspas de 1 limão siciliano, suco de 1/2 limão siciliano, 2 filés de anchova em conserva, 2 colheres de sopa de parmesão, 1 dente de alho, 1 colher de sopa de mostarda dijon, 1 colher de sopa de azeite extra virgem, pimenta-do-reino e sal.Molho Caesar com limão, mostarda e anchova

5. Molho Caesar com limão, mostarda e anchova

Aqui, você vai precisar de anchova em conserva, gema de ovo, mostarda, limão, alho amassado, óleo de girassol e queijo parmesão ralado. Experimente com as suas folhas verdes favoritas!

6. Molho Caesar com limão, maionese e anchova

Essa receita serve até quatro por e fica pronta em 15 minutinhos. Para fazer o molho, tenha em mãos maionese, queijo parmesão ralado, suco de limão, azeite de oliva, filé de anchova, alho e sal. Ainda, folhas de alface, croutons, frango e temperos completam o preparo da salada.

7. Molho Caesar com limão, mostarda dijon, amêndoas e alcaparras

1/4 de xícara de amêndoas sem casca, 2 colheres de sopa de Nutritional Yeast, 2 colheres de sopa de caldo de limão, 1 colher de sopa de azeite de oliva extra virgem, 1 colher de chá de mostarda dijon, 1 dente de alho pequeno, 1 colher de chá de alcaparras, sal, pimenta e água são os ingredientes desse molho Caesar.

8. Molho Caesar sem gema de ovo

Que tal preparar um molho que não leva ovo? Para isso, você deve separar alho, anchova, mostarda dijon, maionese, vinagre de vinho tinto ou de vinho branco, queijo parmesão ralado, sal e pimenta-do-reino. Confira os detalhes do preparo!

9. Molho Caesar com iogurte grego

O iogurte grego vai deixar seu molho Caesar ainda mais cremoso e saboroso! Além desse ingrediente, a receita leva também alho, suco de limão, molho inglês, mostarda dijon, azeite extra virgem, queijo parmesão ralado, sal e pimenta-do-reino. Anote as quantidades e siga o passo a passo!

10. Molho Caesar com abacate

Existem variações do molho Caesar, mas você já imaginou que poderia prepará-lo com abacate? Pois é! Os outros ingredientes da receita são dentes de alho, suco de limão siciliano, vinagre de maçã, água filtrada, mostarda dijon, sal marinho e Nutritional Yeast ou levedura nutricional. E, claro, folhas de alface para acompanhar.

11. Molho Caesar com castanha-de-caju, limão e mostarda em grãos

Essa é uma receita totalmente vegana! É por isso que os ingredientes necessários são: castanha-de-caju crua, água, suco de limão, mostarda em grãos, sal, pimenta caiena, alho, açafrão e azeite.

12. Molho Caesar com castanha-de-caju, limão e mostarda em pó

Confira mais uma opção vegana de molho Caesar! Diferente da receita anterior, aqui, você vai utilizar pimenta-do-reino, que é uma opção mais tradicional e conhecida. Pronto para testar essa delícia?

Torta de frango fit – Sem farinha

Receita:

150g de brócolis cozido
150g de couve flor cozida
150g de cenoura cozida
250g de frango desfiado
150g de requeijão de corte
3 ovos
temperos a gosto parmesão
tomates cerejas para finalizar.

Modo de preparo:

bater no liquidificador os ovos + couve flor + requeijão + temperos.
Misturar a massa o frango desfiado + brócolis + cenoura + temperos.
Colocar tudo em uma refratária decorar com tomates cerejas e parmesão ralado.
Forno 200 graus ate dourar.
Use a sua imaginação e troque a proteína ou mesmo os legumes..

Fonte-
Portal MT

Como fazer frango frito crocante e delicioso

Frango frito crocante, sequinho por fora e suculento por dentro é uma delícia. Simples assim.

Por isso, queremos te ensinar como fazer frango frito muito gostoso. O corte do frango pode ser da sua preferência – peito, coxa ou sobrecoxa.

Confira os ingredientes:

  • 1 kg de cortes de frango da sua preferência
  • 3 dentes de alho picados ou amassados
  • Suco de dois limões
  • Sal a gosto
  • Pimenta-do-reino preta moída a gosto
  • 1 ovo
  • 1 xícara de leite
  • 1 xícara de água
  • Farinha de trigo para empanar
  • Óleo para fritar

O primeiro passo é fazer uma marinada para que o frango fique bem temperado. Portanto, tempere os pedaços de frango com o alho, o suco de limão, sal e pimenta e deixe marinando na geladeira por 30 minutos.

Em um recipiente, misture o leite, a água e o ovo. Essa mistura deixará o frango frito crocante e tenro.

Coloque o frango na mistura feita anteriormente. Certifique-se de que todos os lados do frango foram embebidos na mistura.

Agora, nós vamos empanar e temos uma dica incrível para facilitar esse processo. Em um saco plástico, coloque a farinha com uma pitada de sal.

Coloque os pedaços de frango dentro do saco plástico com a farinha e mexa e balance bem para que a farinha fique agarrado à carne.

Muito bem, agora vamos à fritura.

Coloque bastante óleo em uma panela funda e leve ao fogo alto. Lembre-se: os pedaços de frango precisam boiar no óleo, então não economize.

Quando o óleo estiver bem quente, mergulhe aos poucos e com cuidado alguns pedaços de frango. Não coloque todos de uma vez para não esfriar o óleo – se você fizer isso, o frango não ficará com aquela casquinha crocante.

Deixe o frango fritar no óleo por 5 minutos, mexa e vire. Quando os pedaços estiverem bem dourados e ficarem boiando, está pronto para escorrer e servir.

FONTE-
Minerva Foods

Aprenda a fazer viradinho de milho verde

Quando este é o acompanhamento, meio que tanto faz qual o prato principal. Ele é tão poderoso que é capaz de trazer lembranças de casa com fogão a lenha, no interior, mesmo que você nunca tenha estado em uma. Talvez seja porque o milho é usado em dose dupla: em grãos, debulhados da espiga, e em farinha flocada. E capriche na salsinha!

INGREDIENTES

  • 4 espigas de milho (cerca de 3 xícaras (chá) de milho debulhado, caso queira usar o congelado)
  • 1 cebola
  • 1 ½ colher (sopa) de manteiga
  • 1 xícara (chá) de farinha de milho flocada
  • 2 xícaras (chá) de água
  • ½ maço de salsinha
  • sal e pimenta-do-reino moída na hora a gosto

MODO DE PREPARO

  1. Descarte a palha, o cabelo e lave bem as espigas de milho sob água corrente. Numa tábua (ou dentro de uma assadeira grande), apoie uma das espigas de pé e com uma faca corte os grãos de milho para debulhar (se preferir, utilize um extrator de grãos próprio para milho). Transfira os grãos para uma tigela e repita com as outras espigas.
  2. Descasque e pique fino a cebola. Lave, seque e pique fino as folhas de salsinha.
  3. Leve uma panela média ao fogo baixo. Quando aquecer, junte a manteiga, a cebola, tempere com uma pitada de sal e refogue por cerca de 3 minutos, mexendo bem, até murchar. Acrescente os grãos de milho e refogue por cerca de 5 minutos, até que o milho ganhe um tom mais vivo.
  4. Regue com a água, misture e deixe os grãos cozinharem por cerca de 5 minutos – a água não deve secar, pois vai umedecer a farinha no próximo passo. Acrescente a salsinha picada e tempere com sal e pimenta-do-reino a gosto.
  5. Mantenha a panela em fogo baixo e junte a farinha de milho flocada aos poucos, sem parar de mexer – o virado deve ficar bem úmido. Desligue o fogo, transfira para uma travessa e sirva a  seguir
  6. créditos- Panelinha

Bolo de Coco gelado delicioso

Ingredientes:
3 ovos
3 xícaras de farinha de trigo
2 xícaras de açúcar
200 ml de leite em temperatura ambiente
1 colher fermento em pó
1 leite condensado
1 leite de coco
1 medida de leite
100 g de coco ralado sem açúcar

– Modo de Preparo:


Bata as claras em neve, acrescente o açúcar até formar um glacê. Acrescente as gemas e o leite e continue batendo. Aos poucos, incorpore a farinha de trigo e quando estiver uma massa lisa, acrescente o fermento em pó.

Asse em forma untada por cerca de 30 minutos. Quando estiver assado, retire do forno e fure o bolo todo com garfo. Prepare uma mistura de 01 lata de leite condensado, a mesma medida de leite e 1 vidro de leite de coco, derramando sobre o bolo quente.

O líquido vai penetrar nos furinhos e descer ao fundo da assadeira. Polvilhe coco até cobrir todo o bolo.

Feche com papel alumínio, espere esfriar e coloque na geladeira. Não mexa no bolo por 24 horas!

Depois do descanso, pode cortar e embalar em papel alumínio ou servir em pratinhos. Dura 7 dias na geladeira. creditos- receitas do thales

Macarrão ao creme de frango e brócolis

Ingredientes

  • 1 pacote de macarrão fettuccine
  • 1 maço de brócolis fresco lavado
  • 4 colheres (sopa) de azeite de oliva
  • 1 dente de alho  picado
  • 1 kg depeito de frango desossado, sem pele, cortado em cubos pequenos
  • 1 xícara (chá) de leite
  • 1 lata decreme de leite
  • 1 pote de cream cheese 
  • 100 gramas de queijo ralado
  • • pimenta do reino a gosto
  • • salsa ou salsinhapicada a gosto
  • • sal a gosto

Modo de preparo

Cozinhe o macarrão conforme instruções na embalagem.

Nos últimos 2 minutos de cozimento, acrescente o brócolis cortado em buquês pequenos.

Em uma panela, aqueça o azeite, doure o alho e refogue o frango até dourar.

Acrescente o leite, creme de leite, o cream cheese em colheradas, o queijo ralado, o sal e a pimenta e deixe no fogo por 5 minutos.

Escorra o macarrão com os brócolis e misture no molho.

Salpique a salsa e sirva em seguida.

Diurética e anti-inflamatória, a cavalinha é usada para vários tratamentos medicinais. Saiba mais

Para que serve e quais as propriedades da cavalinha?

Trata-se de uma planta medicinal que cresce em climas úmidos. Apesar de ser considerada até uma “erva daninha” pelos agricultores, as propriedades da cavalinha são diversas. Leia mais neste artigo.

Como se utiliza a cavalinha?

Há diversas formas de consumir a cavalinha, aproveitando seus benefícios nutricionais e medicinais:

  • Chás: para preparar um simples chá de cavalinha, basta adicionar uma colher de sopa da planta a cada xícara de água fervente. Pode-se adoçar com mel para que sabor não fique amargo.
  • Extratos: lojas naturais possuem extratos e essências de cavalinha, que podem ser usados de maneira tópica.
  • Em escalda-pés: junte a erva com alguns litros de água quente e aguarde alguns minutos antes de submergir os pés por meia hora.
  • Cápsulas: as cápsulas de cavalinha podem ser obtidas em lojas de produtos naturais.
  • Cremes e sob a forma de gel: Pode ser usado para combater a celulite. Aplique uma vez ao dia e massageie a pele até que o produto seja totalmente absorvido.
  • Xampus: prepare um chá mais concentrado e, depois de frio, misture ao xampu. Use duas vezes por semana.

Propriedades da cavalinha para o organismo

Diurética

A cavalinha nos ajuda a eliminar água e aumenta a produção de urina em até 30%. Serve para perder peso e nos ajuda a eliminar a gordura acumulada na barriga, que é tão difícil de queimar. Usa a cavalinha em casos de:

  • Retenção de líquidos
  • OBESIDADE
  • Excesso de ácido úrico
  • Artrite
  • Gota

Além disso, previne e trata muitas doenças do SISTEMA ÚRINARIO, reduz o risco de pedras nos rins e problemas da próstata nos homens.

Detém as hemorragias

A cavalinha possui ácidos péctico e gálico, que evitam os sangramentos, tendo uma ação coagulante. Usa-se para:

  • Sangramentos uterinos
  • Sangramentos do nariz
  • Presença de sangue na urina
  • Fluxo menstrual abundante

É preciso notar que todos os sintomas acima podem significar um problema de saúde mais grave e é necessário que a pessoa procure um médico imediatamente para investigar as possíveis causas.

Reforça os ossos

A cavalinha é um remédio caseiro para a saúde dos ossos graças ao seu teor de silício. O consumo desta planta ajuda a fortalecer os ossos, fixa o cálcio e contribui para que o corpo retenha esse mineral tão importante por mais tempo.

Além disso, a cavalinha protege os tendões e as articulações. É usada no caso de lesões dos ligamentos, distensões musculares, luxações e também para evitar a OSTEOPOROSE nas mulheres que já estão na menopausa.

Faz bem para os cabelos e para as unhas

Mais uma vez, o SILICIO presente na cavalinha ajuda a prevenir a queda de cabelos e o aparecimento da caspa. Também fortalece unhas quebradiças e permite que cresçam mais rápido.

Propriedades da cavalinha para uso tópico

Se você preferir usar esta erva de maneira tópica, poderá desfrutar dos seguintes benefícios:

As propriedades da cavalinha: trata doenças da pele

No caso de dermatite, irritações da pele ou outros problemas dermatológicos, a cavalinha é perfeita para reduzir os sintomas. Cicatrizante, pode ser usada em feridas difíceis de sarar.

As propriedades da cavalinha: bom para os olhos

Esta erva é boa para tratar olhos inflamados, terçol e conjuntivite, mas também para coceiras nos OLHOS e outras irritações.

Devido às suas propriedades anti-inflamatórias, é um método natural e eficaz para prevenir o glaucoma, a miopia e o astigmatismo, ainda que estes problemas tenham causas genéticas e ambientais.

As propriedades da cavalinha: combate infecções do sistema reprodutor feminino

As mulheres que sofrem com inflamações ou infecções vaginais podem tomar banhos de assento com cavalinha. Suas propriedades curativas aliviam os sintomas imediatamente.

Também é usada no caso de hemorroidas, sobretudo quando sangram.

As propriedades da cavalinha: retarda o envelhecimento

A ação antioxidante da cavalinha previne o aparecimento precoce de rugas na pele, principalmente no rosto.

Por ter propriedades regeneradoras, atenua marcas e linhas de expressão que aparecem ao redor da boca e dos olhos.

As propriedades da cavalinha: ajuda a emagrecer e combate a celulite

As massagens feitas com o chá de cavalinha reduzem os nódulos de gordura que se acumulam em diversas partes do corpo.

Também ajuda a emagrecer na região dos quadris e do ventre.

Contraindicações e toxicidade da cavalinha

Apesar de seus muitos benefícios, a cavalinha possui compostos que, se forem consumidos em excesso, podem ser tóxicos e perigosos para o organismo. Entre seus efeitos adversos, podemos citar:

  • Problemas digestivos
  • Dor de cabeça
  • Nervosismo
  • Perda de apetite
  • Depressão
  • Fraqueza muscular
  • Irritação da mucosa gástrica
  • Arritmia
  • Falta de coordenação
  • Pressão alta
  • Problemas gastrointestinais

Pode ser uma planta abortiva devido às suas propriedades oxitóxicas (em pequenas concentrações, é usada para acelerar o parto e evitar suas dores). Ela é contraindicada para mulheres GRÁVIDAS ou que estejam tentando engravidar.

Recomenda-se não utilizar a cavalinha durante mais de quatro semanas seguidas para tratamentos internos e por mais de seis semanas em aplicações tópicas. No caso de algum sintoma adverso, interrompa o consumo da planta imediatamente.

fonte-Melhor com saúde

Como cultivar tomates com apenas 4 fatias

Cultivar tomates é sumamente simples. Além disso, trata-se de uma fruta muito deliciosa e nutritiva. Com apenas algumas fatias, você pode conseguir uma planta bonita e frutífera para fazer as suas saladas.

Você sabia que apenas quatro fatias deste fruto são o suficiente para cultivar tomates que te abastecerão ilimitadamente? O processo é econômico e nada complexo: confira e descubra como cultivar tomates de maneira ilimitada.

Além de ser um ingrediente essencial de muitas receitas, o tomate é um fruto porque é a parte da planta que contém as sementes com uma série de propriedades benéficas para o organismo. Dentre elas, podemos enumerar sua importante contribuição em VITAMINAS A, C e K e minerais como o ferro e potássio.

Além disso, também se destaca por conter fibras, o que o torna mais eficaz contra a prisão de ventre e também um DIÚRETICO natural. Além disso, não podem ser deixadas de lado suas consequências positivas para a circulação sanguínea e manutenção da pele.

Como cultivar tomates

Corte apenas quatro fatias de tomate, você pode obter uma plantação caseira desta fruta com um investimento verdadeiramente baixo. Quer saber mais?

Procedimento

A primeira coisa que você precisa fazer é, naturalmente, encher um vaso grande com terra. Em seguida, corte quatro fatias finas de um tomate e coloque-as diretamente na terra, de preferência separados um do outro. Assim, você garante que todas as sementes farão contato com o solo.

Antes de prosseguir, deixamos uma recomendação muito útil: para não desperdiçar comida, você pode pegar um tomate que estiver muito maduro, ou mesmo um em mau estado. Isso não afeta em nada o cultivo de uma planta saudável, que é o que queremos aqui.

Em seguida, despeje uma outra camada de terra sobre as fatias de tomate. Não deve ser muito grossa, pois queremos que as mudas brotem depois de um tempo.

Justamente, esse crescimento deveria começar a aparecer a partir de algumas semanas do plantio. A partir daí, tudo o que resta é transplantar as mudas que crescerem mais a um vaso separado ou diretamente para o chão. O objetivo é que elas não disputem pelos nutrientes com plantas menos saudáveis.

Cuidados que o tomate requer

A partir do momento em que semeamos, a planta do tomate precisa de rego diário, especialmente no início e durante seu crescimento. Então, quando começar a dar frutos, é aconselhável diminuir um pouco o rego para que se concentre melhor o sabor; logicamente, devemos evitar que a planta murche.

Além disso, o transplante que é feito quando brotam as primeiras mudas é extremamente importante; as raízes dos tomates exigem muito espaço para se expandir.

Por outro lado, lembre-se que este tipo de CULTIVOS precisa da luz solar para crescerem saudáveis. Portanto, colocando-os no lugar mais iluminado de seu jardim.

Quanto ao substrato, devemos optar por um orgânico para cumprir com nossa meta de  cultivar tomates ilimitados. O nitrogênio é um nutriente essencial para este tipo de cultivos; algumas maneiras de adicioná-los são:

  • Adicionar esterco compostado.
  • Com borras de café ou plantas fixadoras como o feijão.
  • Retire a camada superior da terra e coloque húmus de minhoca.

Em última instância, vale a pena a remarcar a necessidade das plantas de tomate de receber a luz solar. Por essa razão, não é a melhor ideia cobrir a terra com um colchão de folhas de outras plantas, como se costuma fazer.

Se você decide fazer isso de qualquer maneira, já que é prático para conservar a umidade e evitar doenças nas PLANTAS,faça depois que a terra receber uma boa dose de sol.

Cultivar tomates de maneira ilimitada pode ser uma atividade que, além de ser uma excelente introdução ao mundo da JARDINAGEM, pode ajudar à família a manter uma dieta saudável e equilibrada. Como já dissemos, trata-se de um fruto muito nutritivo.

Além disso, existem fatores econômicos que emergem de cultivar tomates em casa: especialmente no inverno, este fruto costuma alcançar preços elevados. Então, que maneira melhor de obtê-la de graça, se não nossa própria horta? Sem ter investido quase nada em seu plantio.

Finalmente, também pode tornar-se um ótimo passatempo e uma forma de ensinar às crianças valores como a responsabilidade, a importância de fazer economia e como levar um estilo de vida saudável. Para onde olhar, cultivar tomates em casa de maneira ilimitada traz benefícios.

fonte-Melhor com saúde

2 métodos naturais para se livrar dos pelos faciais

Por se tratar de ingredientes naturais, é provável que com estas técnicas sejam necessárias várias aplicações para conseguir resultados. Se tivermos a pele sensível, faremos a prova em uma pequena área antes de aplicar as máscaras.

Para quase todas as mulheres, os pelos faciais são um dos problemas estéticos com os quais devem lidar frequentemente. Ainda que os pelos sejam comuns em muitas partes do corpo, não é incomum que apareçam no rosto, especificamente na parte superior da boca.

A boa notícia é que, hoje em dia, todas podem encontrar diversas alternativas para remover estes pequenos pelinhos que afetam a beleza de sua cútis.

Grande parte dos métodos de DEPILAÇÃO que existem são muito dolorosos e geram efeitos indesejados como irritação na pele, aparição de pequenos cravos e inclusive manchas.

Tendo em conta que muitas pessoas ainda não encontraram uma forma de eliminar os pelos faciais sem sofrer dor ou outros efeitos, hoje queremos compartilhar 2 métodos naturais para se livrar dos pelos faciais; estas duas receitas estão ficando bastante populares por serem 100% naturais e eficazes.

1. Máscara facial de aveia para remover pelos faciais

Como acontece com muitas outras técnicas para eliminar os pelos, esta máscara natural de aveia pode diminuir a aparição e retardar o crescimento dos pelos faciais.

Apesar de ser um produto natural, não garante sua eliminação total e requer várias aplicações para ver os resultados.

A vantagem de utilizá-la é o fato de ser elaborada com ingredientes naturais que ajudam a ESFOLIAR A PELE para diminuir as manchas escuras e ao mesmo tempo esses pequenos pelinhos considerados antiestéticos.

O melhor de tudo é que a máscara de aveia deixa a pele suave e radiante, sem causar efeitos adversos, ao contrário de outros produtos com o mesmo fim.

Ingredientes
2 colheres de sopa de mel (50 g)
2 colheres de sopa de suco de limão (20 ml)
2 colheres de sopa de farinha de aveia (10 g)
Como preparar?
Primeiramente, coloque a farinha de aveia em um recipiente. Em caso de não conseguir farinha de aveia, você pode moer alguns flocos até que se tornem pó.
Em seguida adicione o suco de limão e o mel, misturando tudo até quem fiquem bem integrados.
Tudo ficará pronto assim que conseguir uma pasta suave e homogênea.

Atenção: Antes de aplicar o produto, deve-se limpar muito bem o local utilizando sabonete neutro e água morna.

Modo de aplicação

  • Lembre-se de aplicar um pouco de creme ou óleo hidratante nas zonas tratadas.
  • Por fim, retire o produto com água morna e repita o processo 3 vezes por semana.
  • Assim que o tempo aconselhado passar ou quando a máscara tenha secado, esfregue o rosto suavemente com movimentos circulares na direção contrária ao crescimento do pelo.
  • Deixe-a repousar de 20 a 25 minutos.
  • Em seguida seque a zona com um pano suave e aplique a máscara de maneira uniforme, concentrando-se especialmente nas áreas do buço. Assegure-se de colocá-la no sentido do crescimento do pelo.

2. Máscara facial de farinha de grão-de-bico para eliminar o pelo

A FARINHA DE GRÃO DE BICO tem sido utilizada na cultura indiana para remover e deter o crescimento do pelo corporal não desejado.

Este ingrediente é misturado com um pouco de açafrão, que potencializa seus efeitos e ao mesmo tempo ajuda a deixar a pele mais suave e livre de impurezas.

Como no caso anterior, por ser uma técnica natural, é provável que necessite de várias aplicações para obter os resultados esperados.

Ingredientes

  • ½ tigela de farinha de grão-de-bico (110 g)
  • ½ tigela de leite (125 ml)
  • 1 colher de chá de açafrão em pó (5 g)
  • 1 colher de chá de iogurte natural (5 g)

Como preparar?

  • Coloque a farinha de grão-de-bico em um recipiente e em seguida misture com o açafrão, o leite e o iogurte até obter uma pasta suave e espessa.

Modo de aplicação

  • Primeiramente aplique a pasta sobre o rosto, na direção do crescimento do pelo.
  • Assegure-se de cobrir todas as zonas desejadas e em seguida deixe secar durante meia hora.
  • Logo após o tempo aconselhado, esfregue a pasta com uma ligeira massagem na direção contrária ao crescimento do pelo.
  • Se a pasta estiver muito seca, podem-se umedecer os dedos para facilitar este passo.
  • Lave todo o rosto com água morna e por fim aplique um creme hidratante.

Tenha sempre em conta…

Ainda que ambas as máscaras não eliminem o pelo de uma forma tão eficaz como o método de CERA ou de máquinas, vale a pena aplicá-laslevando em consideração que podem ser uma grande alternativa.

Por serem ingredientes 100% naturais, não geram efeitos negativose fornecem alguns nutrientes extras à pele. Experimente-as!

Receita de nutella fit fica igualzinha à original e dá para comer sem culpa

A Nutella é indispensável no cardápio de que ama doces, por isso, despedir-se da guloseima em uma dieta é quase uma tortura. Mas temos uma boa notícia! Seguindo essa receitinha aqui, você vai poder desfrutar de uma versão mais saudável do doce e tão gostoso quanto a original.

Receita de Nutella Fit
Ingredientes

1 xícara de avelãs
1 xícara de cacau
1 colher de chá de sal rosa do Himalaia
1/3 de xícara de agave
1 colher de chá de extrato de baunilha
1 colher e meia de óleo de coco
Modo de preparo

Você vai precisar de um processador
Processe as avelãs até que elas fiquem bastante moídas
Coloque o cacau
Misture o sal rosa, o agave e o extrato de baunilha e processe tudo
Com o processador ainda ligado, adicione lentamente o óleo de coco
Mexa até dar o ponto macio, tirando os “empelotados”
Caso ache que está muito grosso, basta colocar mais uma colher de óleo de coco

créditos-Vix